Brasileira bate próprio recorde de maior onda surfada por mulher

ANÚNCIO

Uma surfista brasileira bateu seu próprio recorde de maior onda surfada por uma mulher. Você pode vê-la surfar na onda do monstro aqui abaixo:

Foto: (World Surf League)

Maya Gabeira quebrou seu recorde anterior, com uma medida confirmada de 73,5 pés (22,4 metros).

ANÚNCIO

Maya surfou a onda no dia 11 de fevereiro de 2020 no evento inaugural do World Surf League Nazare Tow Surfing Challenge na Praia do Norte, Nazaré, Portugal, e agora foi validado pelo Guinness World Records.

De acordo com o Guinness World Records, Maya disse: “Estabelecer o recorde mundial tem sido um sonho meu há muitos anos. Conseguir um segundo é um pouco louco. A onda era muito especial, embora também fosse assustadora.”

Veja também: Homem come cardápio completo do Five Guys em uma hora

O acidente quase fatal da surfista

O sonho de Maya parecia que nunca poderia se tornar realidade, após um acidente em 2013 que deixou o surfista inconsciente no meio da água, apenas para ser salva pelo também surfista Carlos Burle.

ANÚNCIO

“Eu ainda amo muito o esporte, mesmo depois de tantos tempos difíceis e graves lesões e traumas”, disse ela.

O editor-chefe do Guinness World Records, Craig Glenday, disse: “Estou sempre ansioso para ouvir atualizações sobre este disco da World Surf League, já que os surfistas nunca deixam de nos impressionar com sua destemida conquista desses incríveis arranha-céus ondas.”

“As filmagens deste ano estão mais emocionantes do que nunca, então parabéns a Maya pelo resultado épico.”

A mulher 33 anos também bateu o recorde anterior de 68 pés (20,7 metros) em Nazaré. Você pode vê-la estabelecer esse recorde aqui:

Nazaré, que fica a aproximadamente 120 quilômetros ao norte da capital Lisboa, também é onde o recorde masculino foi estabelecido pelo compatriota Rodrigo Koxa, que surfou uma onda de 80 pés (24,38 metros) em 2018.

Traduzido e adaptado por equipe O Mapa da Mina.

Fonte: LAD Bible

ANÚNCIO