Elisabeth Moss vai estrelar ‘Mrs. March’ para Blumhouse

Recém-saída do sucesso de terror “O Homem Invisível”, Elisabeth Moss está se unindo novamente a Blumhouse.

A atriz vencedora do Emmy e sua produtora, Love and Squalor Pictures, estão adaptando o livro (ainda não publicado) “Mrs. March”, em um longa-metragem, que Blumhouse vai produzir.

Moss também estrelará o filme como o personagem principal, uma dona de casa do Upper East Side, que começa a perder o controle da realidade quando começa a suspeitar que seu marido romancista baseou nela o odioso personagem central de seu último best-seller. Virginia Feito, autora de “Mrs. March ”, escreverá o roteiro.

“Eu li o romance de Virginia de uma vez e fiquei tão cativada por ele, que sabia que tinha que interpretar a Mrs. March”, disse Moss.

“Como personagem, ela é fascinante, complexa e profundamente humana e mal posso esperar para afundar meus dentes nela. A Mrs. March é exatamente o tipo de projeto feminino envolvente e desafiador que a Love And Squalor Pictures foi construída para fazer. Como empresa, estamos entusiasmados em fazer nosso anúncio de estreia como parceiros da Blumhouse.”

Elisabeth Moss (Créditos: Maarten de Boer para Variety)

O Homem Invisível”, produzido com um orçamento de US$ 7 milhões, foi extremamente lucrativo quando estreou este ano, arrecadando mais de US $130 milhões globalmente.

O currículo de Moss inclue “Mad Men” e “The Handmaid’s Tale“. Blumhouse produziu a franquia “The Purge” e “Corra“, de Jordan Peele.

“Elisabeth não é apenas uma das melhores atrizes de sua geração, mas também uma fã descarada de material de gênero, e uma colaboradora incrível”, disse Jason Blum, fundador e CEO da Blumhouse.

Mrs. March”, o romance, será lançado nos Estados Unidos em agosto de 2021.

Moss e Lindsey McManus irão produzir para a Love and Squalor Pictures. Blum vai produzir para a Blumhouse. Feito, Carla Hacken e Bea Sequeira são produtores executivos.

Moss é representada pela WME, Ribisi Entertainment Group, Independent Talent Group no Reino Unido e Viewpoint. Feito é representada por Kent Wolf da Neon Literary, Darren Trattner de Jackoway, Tyerman, Wertheimer e WME.

Traduzido e adaptado por equipe O Mapa da Mina.

Fonte: Variety