Centenas de milhares de pássaros migratórios são encontrados mortos

ANÚNCIO

Biólogos nos Estados Unidos estão tentando estabelecer por que centenas de milhares de pássaros migratórios foram encontrados mortos.

Os pequenos corpos de toutinegras, pássaros azuis, pardais, melros, o pewee de madeira ocidental e papa-moscas foram encontrados mortos em todo o Novo México, Colorado, Texas e no México.

ANÚNCIO

No início, quando um grande número de pássaros mortos foi descoberto no White Sands Missile Range e no White Sands National Monument do Exército dos EUA em 20 de agosto, acreditava-se que fosse um incidente isolado.

Mas logo muitos mais foram encontrados no condado de Doña Ana, Jemez Pueblo, Roswell e Socorro.

Centenas de milhares de pássaros migratórios são encontrados mortos
Foto: (Martha Desmond/ New Mexico State University)

Agora, biólogos da New Mexico University e White Sands Missile Range (WSMR) estão tentando descobrir por que exatamente isso está acontecendo.

ANÚNCIO

Martha Desmond, professora do departamento de ecologia de peixes, vida selvagem e conservação da universidade, disse à CNN: “É simplesmente terrível. O número está na casa dos seis dígitos. Sabemos que este é um evento muito grande, centenas de milhares e talvez até milhões de pássaros mortos, e estamos olhando para a extremidade superior disso.”

Pessoas em todo o Novo México relataram ter visto os pássaros se comportando letargicamente, sendo atropelados por carros ou sentados e permitindo que as pessoas se aproximassem deles.

Trish Cutler, uma bióloga de vida selvagem da WSMR, disse ao Las Cruces Sun News: “As pessoas têm relatado que os pássaros parecem sonolentos… eles são realmente letárgicos.

Centenas de milhares de pássaros migratórios são encontrados mortos
Foto: (Martha Desmond/ New Mexico State University)

Leia também: Baleias assassinas surpreendem pesquisadores com comportamento incomum após atacar barcos

Incêndios podem ser a causa

Uma teoria é que a morte em massa decorre de incêndios florestais na Califórnia e em outros estados ocidentais, o que pode ter forçado as aves a migrar prematuramente.

Centenas de milhares de pássaros migratórios são encontrados mortos
Foto: (reprodução/internet)

Desmond explicou: “Eles podem ter sido expulsos antes de estarem prontos para migrar. Eles têm que acumular uma certa quantidade de gordura para que possam sobreviver à migração. Essas aves migram à noite, e podem migrar por três noites consecutivas, elas descerão e se alimentarão como loucas, engordarão mais e partirão novamente.”

Mas Desmond teme que o problema mais amplo da mudança climática possa fazer com que mortes em massa como essa se tornem uma ocorrência cada vez mais comum.

Ela disse: “Começamos a ver mortalidades isoladas em agosto, então algo mais está acontecendo além dos eventos climáticos e não sabemos o que é. Então isso em si é realmente preocupante.”

As aves agora serão enviadas para o Laboratório Forense do Serviço de Pesca e Vida Selvagem dos Estados Unidos, em Oregon, para necropsias a fim de determinar a causa da morte, e os resultados devem levar várias semanas.

Traduzido e adaptado por equipe O Mapa da Mina.

Fonte: LAD BibleCNN e Las Cruces Sun News

ANÚNCIO