Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar

A internet evoluiu, é verdade. Ao mesmo tempo, com as inovações também vimos um aumento dos preços em vários sentidos. O uso de pacotes de dados móveis é um exemplo. Por isso, se for possível usar a internet de graça, melhor.

ANÚNCIO

O que ajuda a entender essa busca de muita gente pelo WiFi gratuito. Sim, isso realmente existe e acontece de modo comum em espaços públicos, como restaurantes, shoppings, lojas e outros ambientes que vamos mencionar a partir dos próximos tópicos.

Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

Para saber como conseguir a conexão de internet gratuita, leia:

  • Por que usar o WiFi gratuito;
  • Como usar WiFi público de forma segura;
  • A internet nas redes públicas;
  • A internet gratuita dos restaurantes;
  • Como encontrar as redes gratuitas de internet;
  • O compartilhamento de WiFi.

Por que usar o WiFi gratuito

O motivo mais simples para isso é: evitar o custo com o acesso a dados online, ]que é cobrado pelas operadoras de telefonia. Geralmente, nos pacotes e nos planos, os dados móveis são uma parte do serviço que mais representam os gastos da conta mensal.

ANÚNCIO
Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

Inclusive, muitas vezes e devido ao uso constante e frequente, pode sair até mais caro do que as próprias ligações telefônicas. O que quer dizer que se existe a possiblidade de se fazer o uso de internet sem ter que pagar nada por isso, melhor, não acha?

Ou também existe a motivação de estar sem crédito no celular ou sem bônus para internet. Aí não tem jeito: somente uma rede de internet gratuita vai salvar nessa hora. Portanto, do ponto de vista econômico, essa ação significativa muito para vários usuários. 

ANÚNCIO

O uso do WiFi público no exterior

Para complementar o que vimos acima, saiba que o uso da internet móvel no exterior é ainda mais caro. A ação é chamada de roaming internacional. Esse método tem um valor que pode espantar muitos viajantes, variando de operadora para operadora. 

A saída acaba sendo a compra de um chip internacional. Só que nem sempre há tempo hábil para isso e aí usar os dados móveis vai acabar com o seu dinheiro. Ao passo que a ideia mais inteligente e mais barata é sim procurar uma rede pública. 

Fizemos uma pesquisa rápida para trazer alguns dados reais. Enquanto uma chamada para qualquer destino pode custar R$ 1,99 por minuto, o envio de SMS é R$ 0,99 e o custo por megabyte de dados móveis fica em R$ 12,90.

Como usar WiFi público de forma segura

Antes de darmos dicas sobre os melhores aplicativos para encontrar WiFi gratuito, a gente precisa mencionar as dicas para fazer um uso seguro dessas redes. Afinal, em caso contrário, você poderia ter os dados acessados por outros usuários do mesmo WiFi.

Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

Para evitar os riscos de ter os dados pessoais desprotegidos e roubados, várias empresas de segurança cibernéticas citaram atividades importantes que os usuários devem fazer ao se conectar um WiFi público. E nós vamos trazer aqui tudo para você ter um acesso mais seguro.

O recurso de verificação em duas etapas, tão comum nas senhas de e-mails, é uma ótima forma de aumentar a proteção dos dados. A ferramenta ativa contas de redes sociais, serviços e logins através de códigos enviados para o celular da pessoa, como o envio de SMS. 

Outras dicas para aumentar a segurança no WiFi

Mais uma dica valiosa é: desativar o recurso de compartilhamento de arquivos no celular. É uma função útil para se conectar a outros dispositivos e enviar dados. No entanto, se torna uma porta de entrada para hackers, quando você está logado na internet pública. 

Então, antes de fazer essa conexão, desative esse recurso. Outra dica: pense muito bem em cada uma das páginas que você vai acessar quando estiver conectado à rede não privativa. O aconselhável é acessar somente o que for extremamente necessário para aquele momento.

Na rede doméstica, há a proteção do firewall e uma senha. Por isso, pessoas desconhecidas não acessam sua máquina. Na internet pública, não. Então, os dispositivos se conectam juntos, o que torna o seu IP mais vulnerável. Por isso, evite acessar contas bancárias, por exemplo. 

A internet nas redes públicas 

A forma mais simples, objetiva e conhecida de se conectar na internet gratuita é usando os sinais grátis disponíveis em algumas regiões e lugares. Existem cidades, por exemplo, que possuem acordo com empresas privadas e disponibilizam esse serviço.

Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

Tanto é que não é raro encontrar pontos turísticos que oferecem internet para seus turistas. A tecnologia por trás é, muitas vezes, conhecida como Wimax e pode funcionar em longas distâncias. A ideia de inclusão digital faz muito sucesso em países europeus. 

No Brasil, acredita-se que até o ano de 2015 já haviam mais de 1.400 cidades com uma opção de rede de wifi gratuita. Hoje em dia, acredita-se que esse número tenha mais do que dobrado, levando em conta os investimentos na informatização.

O WiFi público através de hotspots

Talvez você não tenha ligado o nome ao serviço. Mas, saiba que esse pode ser o mais interessante para você. Isso porque para atrair clientes e fidelizar os antigos, as operadoras de telefonia criaram uma opção de acesso à internet em locais públicos, como shoppings. 

Sim, são os hotspots. E praticamente todas as operadoras fazem isso, como Tim, Vivo, Oi, Algar, Claro e assim por diante. A dificuldade vai ser encontrar o ponto de internet delas. Porém, é comum em locais como restaurantes, shoppings, comércios no geral, etc.

Para quem quiser encontrar os pontos de hotspots de modo mais especifico, a dica é baixar o app da operadora no celular. Lá eles informam sobre esses lugares. Se estiver sem internet nesse momento, vale a pena ligar na central de atendimento e descobrir a informação. 

A internet gratuita dos restaurantes

Do mesmo modo que cidades e operadoras podem oferecer pontos de internet sem custo para as pessoas, existem restaurantes que também fazem isso. Para quem está viajando, acaba sendo uma boa ideia pensar nessa ideia. 

Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

Em algumas partes do Brasil, a rede McDonald’s dá acesso de 1 hora gratuita para clientes. Já quem frequenta o restaurante do Starbucks pode logar na rede por tempo indeterminado, isto é, até que fique no local de consumo. 

A internet grátis em consultórios e centros empresariais

Atualmente, é possível que esse seja um serviço básico e não mais atrativo em consultórios médicos ou odontológicos, que costumam ter filas de espera. Assim, acaba se tornando uma forma de entreter os pacientes/clientes durante esse momento até a consulta. 

Assim como acontece na área da saúde, no mundo dos negócios, a internet gratuita para clientes também é real. Centros empresariais sempre possuem essa alternativa para os seus convidados, ainda mais em capitais e grandes centros urbanos. 

Como encontrar as redes gratuitas de internet

Agora que vimos um monte de jeito de conseguir se conectar à internet na rede pública, a próxima pergunta é: como saber onde estão esses pontos de conexão? Para isso, existem vários aplicativos gratuitos para celulares que podem ajudar. 

Como conseguir WiFi gratuito em lugares públicos para economizar
Foto: (reprodução/internet)

O Instabridge é o mais conhecido de todos. Ele está disponível para celulares com sistema operacional da Samsung e da Apple. Ou seja, é para todos. Tem uma versão gratuita e outra que é paga. Na sem custos, a pessoa já poderá usufruir do seu melhor conteúdo: a localização de redes gratuitas de WiFi.

Além do Instabridge, vale a pena conhecer outros apps que possuem essa mesma função. Entre eles, Mandic Magic, que funciona até mesmo no Windows Phone. E tem o Wi-Fi Finder, o WiFi Map, o Free Zone, entre outros que podem ser encontrados nas plataformas de apps.

Como usar os aplicativos para encontrar redes de WiFi

De um modo geral, esses programas funcionam de modo parecido. É claro que há uma diferença ou outra. Só que no geral, seguem os mesmos passos. Então, após encontrar ele na loja de app e baixar, a pessoa deve criar um breve cadastro com dados pessoais. 

Aí, na sequência, vai pedir para usar a sua localização atual, através do sinal de GPS. E em caso positivo, começa a busca pela rede de WiFi mais perto de você. Uma curiosidade é que em alguns casos, os aplicativos permitem até a descoberta de senhas.

Para “desbloquear a senha” é preciso ver vídeos de anúncios, que são rápidos. A partir disso, com a conexão, vai ficar mais fácil economizar. Porque aí basta que você desconecte do seu 3G ou 4G e comece a usar a rede gratuita. Só se lembre de tomar os devidos cuidados.

O compartilhamento de WiFi

Além de todas as opções, caso não encontre uma internet aberta em espaço público, você tem a chance de tentar um compartilhamento de dados com alguém próximo. E o que se chama de franquia de dados móveis. Existem planos de família que permitem isso de forma pré-definida. 

Um bom exemplo vem da Vivo, que permite que clientes que tenham planos controle ou planos pré-pagos façam essa conexão entre smartphones e sinais de internet. Obviamente, existem regras e limites para a quantidade de megabytes.