Como economizar no dia das crianças

O dia das crianças é uma data especial para os pequenos, que esperam durante todo o ano para ganharem presentes novos ou receberem uma surpresa agradável, como um dia em um parque aquático ou um passeio no parque.

Os pais não gostam de decepcionar nessa data, logo, correm atrás dos presentes que seus filhos pedem, e por mais que os preços estejam elevados nessa época do ano, acabam comprando para agradar aos filhos.

Economizar em tempos difíceis é essencial, e conseguir comprar um presente de dia das crianças por um bom preço, por mais difícil que pareça, ainda é possível seguindo algumas dicas básicas.

Fonte: reprodução/internet

Quer aprender a economizar no dia das crianças? Fique aqui e confira algumas dicas para te ajudar com essa missão.

Planeje os gastos com antecedência

É sempre válido lembrar que o dia das crianças é um pouco antes do fim do ano, e que durante o mês de dezembro os gastos são elevados na maioria das famílias, principalmente pela comemoração de outras datas festivas.

Além disso, no início do próximo ano existem contas a serem pagas, como o IPTU, IPVA e escola da criança. Por isso, é importante reservar uma quantia em dinheiro antes desse período chegar, para não correr riscos desnecessários com as finanças.

Outro ponto a ser planejado é a forma de pagamento. Parcelar as compras em muitas vezes não é algo interessante, tendo em vista que compromete o orçamento durante um bom tempo, portanto, se possível, divida a compra em poucas vezes ou compre à vista.

Pesquise e não deixe para última hora

Pesquisar por preços é uma boa maneira de economizar no momento das compras, pois são muitas as lojas que oferecem o mesmo produto, e o valor da mercadoria costuma variar de uma loja para outra.

As lojas onlines também são uma boa oportunidade de comprar barato, porém, é necessário ficar ciente que o frete geralmente não é dos mais baratos, o que pode tornar a compra presencial mais interessantes em alguns casos.

Fonte: reprodução/internet

Bem como a pesquisa, não deixar as compras para o último momento também é importante para economizar. Os preços costumam subir perto do dia das crianças, e comprar o presente com algumas semanas de antecedência pode render uma boa economia.

Não leve a criança para comprar

Muitos são os pais que levam as crianças para escolher o presente no dia, o que pode acabar se mostrando um erro terrível. O poder de persuasão de um filho é enorme, e isso pode acabar comprometendo todo o planejamento anterior.

A criança pode acabar querendo levar um presente mais caro ou até mesmo mais do que só um, e negar isso em uma data tão especial pode ser exigir demais dos pais. Por isso, evite de levar o pequeno para o momento das compras.

Isso faz com que se torne importante que os pais conheçam melhor seus filhos, pois assim, não será necessário fazer qualquer tipo de consulta às crianças para saberem o que desejam. Caso não saiba, perguntar para se ter uma ideia do que elas querem também não custa nada.

Diversão em primeiro lugar

A escolha do presente é muito difícil de ser feita, principalmente levando em conta os aspectos financeiros, porém, nem sempre a data precisa contar necessariamente com um presente.

Programar um passeio no parque, um piquenique, ou uma visita a algum lugar que a criança goste, também são alternativas para quem não quer ter muitos gastos no momento.

Explicar para a criança que a situação financeira não é das melhores, e que o passeio pode ser divertido, pode abrir novos horizontes e possibilidades de se divertir, portanto, o diálogo é importante, e a diversão vem sempre em primeiro lugar no dia das crianças.