Essas são as 10 ações mais caras do mundo

Apple, Facebook, Microsoft, Google? Será que essas são as ações mais caras do mundo? O que podemos dizer é que nem todas. Isso porque o preço da ação não considera apenas o valor de mercado das companhias, mas também o número de ações que foram emitidas, o que muda tudo.

ANÚNCIO

A conta toda foi feita com base no número de ações emitidas e no valor de mercado da empresa. Por isso, você pode estranhar a Apple não estar nessa lista, por exemplo. Logo, é um texto muito atrativo e surpreendente desde o começo. E a ação mais cara de todas tem um preço chocante. 

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

10 – AutoZone (US$ 1.252)

Para começar a lista temos uma empresa que é uma varejista de produtos automotivos, com valor de mercado de US$ 23,8 bilhões. Ela é uma empresa americana, sendo que representa o segundo maior varejo de peças e acessórios para carros do país. 

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Ela perde apenas para a Advance Auto Parts. Existe desde 1979, sendo sediada em Memphis, Tennessee, Estados Unidos. A empresa conta com 6 mil lojas em 40 estados americanos. 

ANÚNCIO

9 – Chipotle Mexican Grill (US$ 1.402)

Também é uma novidade que entre empresas de tecnologia, a gente tenha uma que é uma rede de restaurantes, certo? Ela tem valor de mercado de US$ 39 bilhões e acaba entrando no top 10 das ações mais caras do mundo.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Para quem não conhece, a Chipotle é uma rede de restaurantes que fica nos Estados Unidos, no Reino Unido, no Canadá, na Alemanha e na França. Ela é focada em comida mexicana, como burritos e tacos. Chipotle, aliás, é um tempero, que vem da pimenta vermelha. 

A empresa também trabalha com produtos naturais e carne animal, sendo que é uma das primeiras as usar o termo Fast Casual, onde a velocidade do atendimento é muito importante, mas, sem deixar de lado o uso de alimentos naturais e itens sustentáveis. A empresa é de 1993.

ANÚNCIO

8 – Alphabet Inc. (US$ 1.797)

O nome não é estranho para você, certo? Isso porque a Alphabet é o Google, conhecido internacionalmente por ser uma empresa de internet, que tem por trás nomes como Sergey Brin e Larry Page. Eles ciaram a empresa em 1998 e são os líderes da holding.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Outra coisa é que ela tem valor de mercado de US$ 919 bilhões e presta mais de 30 serviços. Além disso, tem outras subsidiárias valiosas por trás, como é o caso do Google Adwords, do Android, do Youtube, entre outros. Ela fica sediada na Califórnia. 

7 – Cable ONE (US$ 2.064)

O nome não deixa mentir: temos aqui uma empresa de serviços de comunicação, que tem um valor de mercado de US$ 10,4 bilhões. Ela é uma provedora de serviços de TV a cabo sediada nos Estados Unidos e ex-subsidiária da Graham Holdings Company.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Em 1997, nos primórdios dela, o nome era Post-Newsweek Cable. O fato é que hoje é a 7ª maior provedora de serviços de TV a cabo do país e atende a mais de 800 mil clientes em 21 estados. A internet de alta velocidade é o carro chefe, seguida a TV a cabo e do telefone. 

Ela fica em Phoenix, Arizona e não oferece serviços por lá, inacreditavelmente. 

6 – Booking Holdings (US$ 2.281)

Agora vem outra novidade: estamos falando da empresa de turismo e serviços mesmo, que muita gente conhece. Ela tem um valor de mercado de US$ 60,6 bilhões e mesmo sendo muito conhecida, pouca gente sabia que ela estaria aqui com uma ação tão cara.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Antigamente, ela era chamada de Priceline Group Inc. Mas, o nome mudou. O que não mudou é que continua sendo a maior fornecedora de serviços de viagem no mundo. Assim, permite de alugueis de carros até mesmo a reserva de quartos em hotéis. 

A história dela também é recente, sendo de 1997, quando Jay Walker fundou a empresa e dois anos depois levou ela ao IPO, com US$ 12,9 bilhões em valores. O novo nome tem a ver com a marca mais popular da corporação, a booking.com. 

5 – Amazon Inc. (US$ 3.182)

A Amazon é uma das empresas com o maior valor de mercado do mundo e isso reflete no preço da ação dela também. É uma empresa de negócio de varejo que vale US$ 1,2 bilhão. Assim, acaba entrando na lista das 5 ações mais caras do mundo.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Ela vende e distribui produtos pela internet, sendo que atualmente tem capitalização de mercado acima de US$ 800 milhões. Outra coisa é que ela conecta usuários da internet com fornecedores e produtores, que podem vender qualquer produto pela plataforma.

A empresa é recente se comparada com outras, sendo que foi criada em 1994 por Jeff Bezos, que sempre aparece na lista dos mais ricos do mundo. Ela fica sediada em Seattle, em Washington, nos Estados Unidos. Ela emprega mais de 640 mil funcionários.

4 – Seaboard Corporation (US$ 3.920)

É uma empresa do setor de alimentos, de transporte e de energia. A sua maior participação fica na produção de carne suína dentro dos Estados Unidos. A história vem da produção de grãos, o que se dá há mais de 1 século.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

O principal nome foi o de Otto Bresky, que comprou a primeira fábrica de farinha em Atchison, no Kanas, em 1918. Após isso, durante 40 anos, ele foi comprando moinhos de farinhas adicionais na região e nomeou tudo como Rodney Milling. 

Atualmente, a empresa e suas subsidiárias empregam mais de 23 mil pessoas em mais de 45 países, inclusive, na África. As vendas líquidas são de aproximadamente US$ 6,67 bilhões anuais.

3 – NVR Incorporated (US$ 3.930)

Agora temos uma empresa que atua no setor de empréstimos para prédios e hipotecas. Atualmente, o valor de mercado dela é de US$ 11,5 bilhões. Ela é norte-americana da área da construção civil e já construiu mais de 365 mil casas em 15 estados do país. 

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Tem algumas grandes subsidiárias por trás, com as Casas Ryan, a NVHomes, a Casas Rymarc, a Fox Ridge Homes e a Casas Heartland, todas da área da construção. Já na área de serviços financeiras, a sua principal subsidiária é a NVR Mortgage. 

A empresa está sediada em Reston, na Virgínia. 

2 – Lindt & Sprungli AG (US$ 88.100)

Estamos falando de uma empresa da indústria de confeitaria (chocolates) que tem um valor de mercado de US$ 20 bilhões. É uma empresa suíça que atua na confeitaria e na produção de chocolates, sendo considerados um dos melhores do mundo.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Em termos financeiros, a empresa também atua na frente de lojas e de cafés, sendo que tem mais de 400 unidades ao redor do mundo. Ela foi fundada em 1836 em Zurique e começou com uma pequena loja de doces. Em 1988 comprou a fábrica de chocolate de Rudolf Lindt. 

Em 1994 fez outra aquisição, da Hofbauer. Em 1997, comprou a italiana Caffarel e a American Ghirardelli. Já em 2014, a compra foi da Russell Stover Candies. Além das barras, a empresa também produz sorvetes e a linha de produto mais popular é a Lindor. 

1 – Berkshire Hathaway Inc. (US$ 352.039)

Isso mesmo. Estamos falando da empresa de Warren Buffett. Atualmente, ela é a ação mais cara de todo mercado acionário do mundo. O valor de mercado da empresa é de US$ 455 bilhões e ela atua em vários setores, como de seguros, transportes, finanças, etc. 

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Entre as companhias afiliadas a empresa, a gente pode citar o grupo de seguro de assistência GEICO, o grupo primário da Berkshire, o grupo de transporte ferroviário BNSF, o grupo de fornecimento de eletricidade e gás, além do comércio atacadista da McLane. 

Em 2015, o número de participantes da reunião anual de acionistas passou dos 40 mil, o que se tornou algo incrível em todo mercado de ações do mundo. Por isso mesmo, a ação, a empresa, o grupo todo ganhou o apelido de “Woodstock para Capitalistas”. 

Por que a ação da Berkshire é tão cara?

Obviamente, você já deve ter imaginado a resposta. Mas, nos vamos confirmar. Considere que a ação da empresa nunca foi subdividida, o que é comum de acontecer em vários mercados acionários. No entanto, no caso da Berkshire, não.

Essas são as 10 ações mais caras do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Assim, em 1980 a ação custava US$ 300. Em 1990 passou a ser de US$ 7.000. Em 2000 foi para US$ 50.000 e agora está em mais de US$ 320.000.

Geralmente, quem faz a divisão das ações, diminuindo o preço dela é porque busca o pequeno investidor, tornando o papel acessível para ele também. isso gera mais liquidez no mercado e no crescimento de valor da empresa.

Os preços das ações podem variar

É muito importante você considerar que dependendo de quando estiver lendo essa matéria, as posições das ações mais caras do mundo podem variar. E isso acontece justamente porque a cada dia o preço da ação varia em todo mercado acionário. É comum, natural. 

Sendo assim, ainda vale a leitura para que você tenha uma ideia das empresas com ações mais caras. E, na dúvida, vale a pena olhar a cotação atual da Amazon, da Berkshire e de todas as outras ações que foram citadas acima.