Esse é o valor do queijo mais caro do mundo

O queijo é um alimento sólido que é feito a partir do leite. Certo? Esse leite pode ser de vaca, de cabra, de ovelha, de búfala ou outros mamíferos. Mas você sabia que o leite também pode vir de burra? Sim, e não estamos falando de qualquer burra, ok? E sim as burras dos Balcãs.

ANÚNCIO

Bem, mas o que isso tem a ver com o valor do queijo mais caro do mundo? Que ele é produzido a partir do leite dessas burras. Inclusive, no ano de 2012, o jogador de tênis Nova Djokovic foi tema da imprensa ao comprar toda a produção mundial de queijo dessas burras. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

A história do Djokovic

Antes de falar mais do queijo mais caro do mundo, vamos contar esse fato verídico sobre o jogador de tênis que está sempre na lista dos maiores do mundo nos rankings internacionais. Ele tem uma cadeira de restaurantes na Sérvia, o seu país natal.

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

E no fim de 2012 ele comprou toda a produção do ano seguinte do leite dessas burras. Chamado de “pule”, o leite é produzido sob encomenda em fazendas da região do seu país. E são usados aproximadamente 100 animais nativos dos Balcãs para fazer o queijo.

ANÚNCIO

Agora, a gente vai explicar mais de o preço desse leite ser tão caro. Só que antes saiba que o responsável pela produção do pule avisou, na época, que a fazenda dele vendeu toda a produção para o Djokovic porque o tenista é embaixador do item no mundo todo. 

O surgimento do queijo

Agora, vamos dar um passo atrás na história para descobrir quem inventou o queijo. Aliás, será que dá para saber isso? Na verdade, não com tanta certeza. Na Grécia acredita-se que Aristeu descobriu o queijo. Já Homero descreve Ciclope fazendo queijo do leite de cabra e ovelha.

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Na Roma, o queijo era um alimento consumido todos os dias e a produção já era bem desenvolvida, praticamente como é hoje. A Grã-Bretanha garante que tem mais de 700 locais para produção de queijos. Na Era Moderna, o queijo chega na África. A primeira fábrica de queijo é da Suíça. 

ANÚNCIO

O que se sabe mesmo é que o queijo industrializado passou a produção artesanal durante a Segunda Guerra Mundial. A partir disso, a produção é maior. Atualmente, os maiores produtores mundiais são: Estados Unidos, França, Alemanha, Itália, Holanda, Rússia e Polônia. 

Como é feito o queijo

O queijo é um alimento que é feito a partir do leite. Isso se dá pela coagulação do líquido. Assim, em um primeiro momento acontece a acidificação através de uma cultura de bactérias. Depois, vem a enzina, a quimosina, que faz uma espécie de coalho. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Então, nessa etapa, o leite se torna uma coalhada e dá para retirar o soro. A bactéria tem papel de formar a textura do queijo e é também quem dá o sabor a ele. Por isso, alguns queijos têm bolores, são mais fortes ou mais leves e com sabores diferenciados. 

Só que essa bactéria não muda o tipo de queijo sozinha. Para se ter tantas centenas de tipos de queijos no mundo, também dá para considerar o animal que produz o leite. Por isso, o queijo de burra é tão diferenciado porque ele é raro, ou melhor, ele é um queijo exclusivo. 

O teor de gordura

Só para que não fique dúvida, saiba que além do processamento da bactéria e do animal que dá o leite para a produção do queijo, a adição do teor de gordura também influência no sabor do produto. O tempo de envelhecimento, por exemplo, pode dizer muito sobre ele. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

E ainda dá para acrescentar ingredientes e temperos, o que vai mudar ainda mais o gosto, sejam ervas, especiarias, defumação, pasteurização. Aliás, sobre o teor de gordura desse queijo, estudiosos garantem que é de 1% apenas. É isso que faz dele um produto incrível. Mas tem uma curiosidade nisso: antes, o leite das burras era usado para fazer outros produtos, como vamos mencionar no fim do artigo. 

O preço alto do queijo Pule

O que importa é saber que para fazer 1 quilo de queijo é preciso 25 litros de leite de burra. Logo, cada quilo do queijo é vendido por US$ 2 mil, na média. Agora, o que você pode não ter entendido ainda é que apenas uma fazenda produz esse leite e o queijo no mundo todo.

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Foi por isso que o Djokovic conseguiu comprar toda a produção mundial. Assim, o queijo Pule vem da fazenda que fica na Reserva Especial Natural de Zasavica, na Sérvia. Ah, outra coisa que aumentar o valor do queijo é que as burras não produzem muito leite, normalmente. Portanto, é preciso ordenha-las ao menos 3 vezes por dia para conseguir um bom rendimento. Aliás, o rendimento anual de queijo é de 90 quilos só. 

Como é o queijo Pule

Pensando no paladar, esse tipo de queijo é branco, quebradiço e tem um sabor salgado e intenso. Sem contar que o leite de burra é ótimo em termos de nutrientes e é conhecido mundialmente por fortalecer a imunidade dos consumidores. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Há uma história que conta que a rainha do Egito, Cleópatra, usava esse leite para o tratamento de pele. O resultado é que hoje em dia, esse produto é um dos ingredientes mais caros que são usados na criação de receitas para o tratamento de pele no mundo. 

Aliás, só para que você saiba, o queijo de um modo geral é visto como ótimo complemento alimentar. Ele é de fácil transporte, longa durabilidade e tem alto teor de gordura, de proteína, de cálcio e de fósforo. Assim, é uma forma compacta de consumir o leite, por exemplo. 

Outras utilidades do leite de burras

Como falamos acima, considere que antes de virar queijo Pule, o leite das burras era usado para fazer sabão, licor e cremes. Isso vem desde 2006, quando a fazenda inaugurou a sua “burras leiteiras” nos Balcãs. Obviamente, os cremes eram rejuvenescentes, já que o produto pode transformar “avós em moças” ou algo assim, como está contado na história de Cleópatra. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Curiosamente, vale mencionar que esse leite é próximo do leite humano na composição, no sabor e deve ser consumido sem ferver. Isso porque não contém bactérias. Só que a bebida tem 60 vezes mais vitamina C do que o leite de vaca tradicional e é rico em vitamina B, D12 e E.

As categorias dos queijos

Atualmente, os queijos podem ser categorizados de vários modos. Por exemplo, pela textura, pelo teor de gordura, se são fundidos, etc. O queijo Pule poderia se enquadrar em várias delas. Mas, atualmente, é visto pelo teor de gordura. Por exemplo, a gente separa ele do queijo de vaca, de cabra, de ovelhas, de alce. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Para se ter uma ideia, o queijo de burra tem 1% de gordura. Mas um queijo de creme duplo, feito com leite de vaca e enriquecido com nata, pode ter um teor de gordura de 60%, por exemplo. Nem todo queijo faz bem para dieta, viu?

Os outros queijos mais caros do mundo

Aqui vale a pena mencionar um detalhe: as listas dos queijos mais caros do mundo costumam variar muito de ano para ano. Isso pode depender da produção, do mercado, dos insumos para o tratamento dos animais que produzem o leite, etc. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

De todo modo, o queijo Pule (ou pule cheese) sempre está nas primeiras colocações, em razão dos motivos já explicados: como serem provenientes das burras dos Balcãs. Só que além desse queijo sérvio, saiba que também há outros que são bem caros, como da Itália e da Inglaterra.

O queijo italiano e o queijo inglês

O da Itália é chamado de Caciocavallo Padolico, ele vem do leite de vaca mesmo. Acredita? Mas por que ele custa US$ 650 para cada 450 gramas? Porque vem de uma raça muito rara que só se tem na Itália. Inclusive, são vacas que comem morangos e cerejas. 

Esse é o valor do queijo mais caro do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Já o queijo inglês, que também sempre aparece na lista dos mais caros, tem um preço que passa dos US$ 1 mil para cada 450 gramas. Inclusive, ele foi lançado na feira de queijo Frome e é considerado recente. Sendo que é um dos mais raros do planeta. 

Ele é servido com trufas e folha de ouro comestível. Ou seja, o sabor é luxuoso. Ele vem em uma bandeja de prata também. Obviamente, o motivo é totalmente extravagante e não se explica, tanto, pela natureza dos animais, como os outros queijos citados aqui. 

Mais queijos caros

E vamos fechar o artigo citando outros queijos que são caros, porém, um pouco mais acessíveis. O Elk House Cheese ou simplesmente Elk é um queijo que vem do leite de alce. Ou seja, são poucos os agricultores de alce, daí o preço mais elevado do produto. É sueco. 

Tem o Clawson Stilton Gold, que é britânico e feito de licor dourado. O queijo Wyke é usado com trufas brancas. Enquanto isso, o Extra Old Bitto vem de Hong Kong e é outro italiano. Ele foi batizado em 1997. O Gorau Glas vem do País de Gales e o Beufort dos Alpes Franceses.