Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil

Atualmente, todo grande banco emite cartões de crédito. Além deles, fintechs e startups do setor também. Além disso, eles podem ser de plástico ou outros materiais e tem tecnologias acopladas. Mas, o fato é que ele teve um começo, que vem de faz tempo.

ANÚNCIO

A nossa ideia com esse conteúdo é contar um pouco mais sobre o nascimento do cartão de crédito e mostrar como ele chegou ao Brasil, passando por 3 cartões iniciais, antes de se chegar a esse aglomerado de uma centena de opções que existem hoje em dia.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Os benefícios dos cartões de crédito

Antes de a gente começar a contar a história do cartão de crédito, vamos sugerir aqui que você se lembre que há pelo menos 5 benefícios de usar essa forma de pagamento. Essas vantagens foram determinantes para o sucesso do cartão no mundo todo.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Primeiro, a pessoa que vai pagar não precisa ter dinheiro físico ou cheque para fazer a compra. Depois, o cliente tem um prazo maior para fazer o pagamento. O terceiro ponto é que dá para parcelar a compra em várias vezes.

ANÚNCIO

Ainda dá para considerar as compras de produtos mais caros e, para fechar, duas vantagens que são mais atuais, sendo a chance de encontrar cartões sem anuidade e até mesmo de fazer compras pela internet.

O surgimento do cartão de crédito

O surgimento dele se deu em formato de papel, isto é, não havia cartão eletrônico, como conhecemos hoje. Assim, o cliente deixava uma espécie de assinatura como garantia do pagamento. Era algo bem próximo do que a gente conhece por cheque, ok?

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

A prática funcionava bem entre as pessoas de alta renda. Ainda mais porque na época essa classe social fazia questão de honrar com seus nomes e sobrenomes, evitando atrasos ou o não pagamento (inadimplência). Então, casos de calote eram raríssimos.

ANÚNCIO

E tem outra coisa: antes a gente tinha uma população bem menor, onde era fácil conhecer as pessoas e ter o nome sujo era algo bem ruim. Então, nada como o mundo de hoje, com milhões e milhões de pessoas em cada esquina, ok? E vamos ao primeiro cartão de crédito.

Os cartões de cortesia

A ideia do cartão veio antes do Diners Club, como muita gente pensa. Isso porque Frank McNamara teve uma ideia que inovou tudo. Na década de 1920, em lojas de departamento e companhias de petróleo, ele pensou nas placas de metal chamadas de “cartões de cortesia”.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Eram cartões oferecidos aos clientes para usarem em compras. Assim, eles eram aceitos apenas pelos comerciantes que os emitiam, obviamente. É exatamente como funcionam hoje em dia os cartões de lojas. 

O Diners Club gostou da ideia e lançou os cartões que buscavam aceitação em vários lugares. Foi assim que surgiu o Diners Club Internacional e, vale lembrar que antes disso, em 1920 por exemplo, já havia o modelo de compre agora e pague depois em lojas americanas.

O Diners Clube Internacional

Esse é considerado o primeiro cartão de crédito que existiu no mundo, em 1950. Curiosamente, ele cobrava dos comerciantes uma taxa de 7% em cada transação. Mas, era bom porque garantia que os consumidores gastariam mais do que quem não tinha o cartão.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Assim, também era muito bom em termos de conveniência para os consumidores que tinham essa forma de pagamento e podiam somar tudo em uma única fatura mensal de despesas. Obviamente, essa ideia era algo que simbolizava muito status na época.

O Diners conseguiu a façanha de ter 42 mil membros. E ano de 1953 se tronou o primeiro cartão de débito aceito no mundo todo, de forma internacional. Anos depois, ele ganhou concorrentes, como o que vamos citar abaixo.

O American Express

Um concorrente à altura do Diners Club foi o American Express, que teve o seu primeiro cartão lançado em 1958. Aqui, há um fato curioso: o Diners começou sendo de papel. E em 1955 já passou a ser feito de plástico. Enquanto isso, o Amex nasceu como sendo de plástico.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Para muitos estudiosos, foi justamente o Bank of America que criou o cartão mais parecido com o que temos hoje, especialmente com a fatura a ser paga no fim de cada mês. E isso vem desde 1958.

Aliás, nesse mesmo ano, a American Express Company criou o primeiro cartão sem anuidade, que era oferecido para quem fosse viajar. Ele era um cartão pré-pago, que tinha um limite próximo de US$ 300.

O BankAmeriCard e o Master Charge

O nome pode ser estranho para você. Mas, considere que mais tarde, esse banco se chamaria Visa. E logo nos primeiros anos de lançamento de cartões já atendi a mais de 12 milhões de estabelecimentos comerciais, sendo um ótimo impulsionador dessa forma de pagamento. 

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

O ano de lançamento foi em 1966. O Master Charge, que depois viria a se chamar Mastercard, surgiu no mesmo ano do Visa, em 1966. No começo, no entanto, não teve o mesmo sucesso do Visa, mas também não foi tão mal assim. 

Vale lembrar que, até hoje é considerado um dos maiores nomes do mercado. Agora, veja no Brasil, quais os primeiros cartões.

1 – Diners Club (1956)

Com base na história que contamos acima, dá para entender como o empresário tcheco Hanus Tauber se tornou um franqueado do Diners Club nos Estados Unidos e trouxe o cartão da bandeira para o Brasil. 

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Aqui há de citar ainda o fato de que alguns historiadores dizem que o cartão chegou ao Brasil um ano após se tornar internacional, em 1954. De todo modo, vamos usar a data de 1956, que parece ser a mais aceita pelos estudiosos.

2 – Elo do banco Bradesco (1958)

Já em 1958, a gente teve o primeiro cartão emitido no país, sendo que era um Elo, que veio da parceria de várias instituições financeiras, mas especialmente do Bradesco.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

A Elo era a representante da Visa no país e atendia a turistas estrangeiros. Vale lembrar ainda que em 2011, o cartão Elo foi relançado pelo Bradesco, pela Caixa e pelo Banco do Brasil, sendo que tinha o foco de ser a maior bandeira do país.

3 – Credicard (1968)

Dez anos depois do Elo, a gente tem o primeiro cartão de crédito emitido por bancos no Brasil, o Credicard. Ele foi muito aceito pela maioria dos estabelecimentos comerciais e mais tarde comprou a franquia da Diners Club no país.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Para quem não sabe, a Credicard, que antes era chamada de Citicard, é uma empresa de soluções de pagamento que pertence ao Grupo Itaú hoje. Ela é uma administradora de cartões de crédito criada a partir da The First National Bank, subsidiária da Citibank. 

Os anos seguintes

Após esses primeiros três cartões de crédito que nós citamos acima, uma data importante foi 1971, quando nasceu a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços, a ABECS, que existe até hoje.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Ela reunia as empresas de cartões para garantir a segurança das operações. O mais bacana é notar toda a evolução do cartão, desde a criação, ainda em papel, o cartão passou pelo plástico e hoje tem chip eletrônico, o contactless e tantas outras tecnológicas envolvidas. 

Assim, em pouco mais de 2 décadas para trás do que vivemos hoje, acredita-se que mais de 70 bandeiras tenham surgido no país. Algumas voltadas para o mercado interno e outras focadas no exterior. 

A evolução dos cartões de crédito

Ainda contando sobre a evolução do cartão, vale a pena a gente falar que antes das fitas magnéticas, as máquinas faziam cópias dos cartões para processarem os pagamentos. Logo, empresas como Xerox conseguiu um bom mercado.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Mas, mais tarde, a partir de 1969, a grande empresa de tecnologia, a IBM, passou a desenvolver cartões magnéticos que foram adotados no mundo todo. Isso permitiu o envio de informações em tempo real de qualquer lugar do mundo.

E depois, em 2000, uma nova tecnologia surgiu, a EMV. Ela permitiu que chip de dados nos cartões fossem usados – e ela se mantém até hoje. Os chips geram códigos únicos para aprovar transações e são formas seguras de pagar contas.

Como funciona as operações de crédito no cartão

Basicamente, há um portador, que tem o cartão. O estabelecimento é quem recebe o pagamento com o cartão. O adquirente é a empresa responsável por comunicar a transação entre o estabelecimento comercial e a bandeira.

Conheça os 3 primeiros cartões de crédito usados no Brasil
Foto: (reprodução/internet)

Já a bandeira é quem comunica a transação entre o adquirente e o emissor do cartão. E tem o emissor, que é quem administra o cartão, sendo quase sempre os bancos ou empresas financeiras. No Brasil adquirente são empresas como Cielo, Getnet, PagSeguro, etc.

O cartão de crédito tem vencimento

Vale lembrar ainda que o cartão de crédito ou de débito tem vencimento. Assim, após a data ele passa a ser inválido, sendo que se o consumidor quiser continuar usando, ele precisará emitir uma nova via. É comum que as empresas enviam a nova via antecipam ente e sem custo.

Essa é uma medida de segurança e garantia que foi criada para que empresas e consumidores evitem problemas de terem muitos cartões ativos no mercado. Assim, se o cartão vencer e a pessoa não tiver mais interesse, mesmo que um novo seja emitido, ele pode ficar inválido se não for ativado.