Sony, Microsoft e Nintendo se unem em novo conjunto de princípios de segurança para jogos online

Sony, Microsoft e Nintendo, que entre elas controlam efetivamente a totalidade do mercado de jogos de console, anunciaram um conjunto compartilhado de diretrizes de segurança para moderar e policiar suas plataformas online.

“Proteger os jogadores online exige uma abordagem multidisciplinar”, diz o comunicado, que foi divulgado simultaneamente pelas três empresas. “Um que combina os benefícios de tecnologia avançada, uma comunidade de apoio e supervisão humana qualificada.”

Sony, Microsoft e Nintendo se unem em novo conjunto de princípios de segurança para jogos online
Foto: (reprodução/internet)

Os princípios foram publicados à medida que um número crescente de jogos, como Fortnite, Rocket League e Apex Legends, oferece crossplay entre as diferentes plataformas, permitindo que os jogadores joguem juntos, independentemente do hardware que estejam usando. 

No entanto, o recurso pode causar problemas se as regras de cada plataforma forem aplicadas de forma diferente. Os novos princípios devem ajudar cada fabricante de console a seguir abordagens semelhantes para manter os jogadores seguros.

Veja também: Lista de vencedores do The Game Awards: “The Last Of Us Part II” leva para casa principais vitórias na cerimônia

As diretrizes já foram diferentes

No passado, a Sony citou diferenças potenciais como essas como o motivo para não permitir que os jogadores do PS4 joguem contra outros consoles. 

Em 2017, o chefe global de vendas e marketing do PlayStation, Jim Ryan, disse à Eurogamer que a razão pela qual a empresa não apoiava o crossplay no Rocket League ou Fortnite era que a empresa não queria expor seus jogadores a ambientes online fora de seu controle.

“Temos um contrato com as pessoas que ficam online conosco, que cuidamos delas e que estão dentro do universo com curadoria do PlayStation”, disse Ryan. “Expor o que em muitos casos são crianças a influências externas que não temos capacidade de gerenciar ou cuidar, é algo que devemos pensar com muito cuidado.”

Mais tarde, a Sony voltou a sua posição e permitiu o jogo cruzado entre os consoles nos dois jogos. Ela permitiu que outros jogos em sua plataforma suportassem o recurso desde então.

Mais detalhes sobre as novas regras

Os novos princípios vêm em três categorias principais; prevenção, parceria e responsabilidade. As coberturas de prevenção permitem que os jogadores personalizem seus controles de privacidade, para promover a existência dessas opções e torná-las fáceis de usar. 

A parceria, por sua vez, inclui compromissos de cooperação com outras organizações e agências de classificação em iniciativas de segurança. Por fim, a responsabilidade inclui o compromisso de ser transparente sobre as regras e de tornar mais fácil para os jogadores denunciarem quando as pessoas infringem as regras.

“Esta parceria significa nosso compromisso de trabalhar juntos para melhorar a segurança do jogador e garantir que o jogo permaneça verdadeiro para todos”, diz a declaração.

O anúncio não contém detalhes sobre mudanças específicas nas políticas de qualquer uma das empresas, mas a solidariedade é notável em um setor onde a competição entre elas é frequentemente caracterizada como uma “guerra”.

Traduzido e adaptado por equipe O Mapa da Mina.

Fonte: The Verge e Eurogamer